ATI será o primeiro órgão a implantar o SEI

Com mais de cinquenta servidores do órgão já certificados no curso SEI Usar, ofertado pela ENAP (Escola Nacional de Administração Pública), a Agência de Tecnologia da Informação do Estado do Piauí larga na frente e deverá está utilizando o SEI já na primeira quinzena de março.

“Estabelecemos como meta que a ATI deverá ser um modelo na implantação do SEI no âmbito do poder Executivo e é isso que estamos fazendo”, afirmar o Diretor Geral do órgão Avelyno Medeiros.

Segundo David Amaral Diretor de Tecnologia da Informação, “Hoje o sistema SEI encontra-se completamente implantado. Tomamos todas as medidas técnicas para garantir a continuidade, a performance e a segurança das informações armazenadas no SEI.”.

“Com a implantação do SEI sabemos que os processos administrativos terão uma maior celeridade além de uma melhor organização nos setores . Dessa forma com a implantação do SEI, teremos uma qualidade bem maior nos tramites processuais, transparência e principalmente uma economia significativa em insumos como papel, tonar, impressoras e etc.”, afirma a Diretora Administrativa Financeira Jaira Rodrigues.

ATI define cronograma inicial de implantação do SEI

O diretor geral da Agência de Tecnologia da Informação (ATI), Avelyno Medeiros, esteve em reunião com o diretor técnico, David Amaral, diretor de gestão, Nataniel do Valle e o principal responsável pelo Sistema Eletrônico de Informação (SEI) na ATI e membro do comitê central do projeto, Richardson Santos para definir o cronograma inicial para a implantação do sistema na ATI.

De acordo com o diretor técnico, David Amaral os requisitos técnicos e de segurança para o funcionamento do sistema já estão sendo testados. “Iniciamos o uso do e-mail institucional para o acesso unificado dos sistemas estaduais e a assinatura digital no SEI com o usuário e senha, já foram testadas e estão em pleno funcionamento. Agora estamos finalizando os testes para o uso do certificado digital na assinatura eletrônica dos processos”, explicou.

Para o diretor de gestão da ATI, Nataniel do Valle, este é um projeto de cunho estratégico para o Estado sob os aspectos da gestão pública e da economicidade. “Vamos nos empenhar ao máximo para a ATI sair na frente”, disse.

O membro do comitê central do SEI, Richardson Santos apresentou algumas diretrizes tratadas na última reunião ocorrida na SEADPREV e destacou ainda a presença de técnicos bibliotecários com conhecimento sobre a legislação que trata dos arquivos públicos. “O sistema, de forma geral já está adequado as normas legais”, garantiu.

Os próximos passos do cronograma serão a customização de documentos no sistema e a capacitação dos servidores da Agência de Tecnologia para utilização do SEI.

“Considerando que o nosso comitê setorial do SEI já está definido e o sistema já está operacional para a implantação, cabe a nós dar exemplo e iniciarmos imediatamente o curso a distância para utilizar o sistema com propriedade. A ATI deve ser um modelo de sucesso desse projeto no Estado do Piauí”, afirmou o diretor geral Avelyno Medeiros.

Foto: Almeida Júnior